Quais são e como buscar serviços inovadores para o seu negócio?

Inovação, o diferencial que permite maior destaque diante da concorrência.

Avaliação
4.3

Publicado em 03/04/2020 | Atualizado em 01/08/2021

Imagem do Topo
Homem usando tech óculos

Inovação é uma necessidade para a empresa que quer se destacar entre as demais empresas do mercado. O histórico da sobrevida das empresas, ao longo dos anos, mostra que as que passam dos primeiros cinco anos de atividades apostaram, em algum momento, na inovação, seja ela de processo, produto, comunicação e marketing ou estrutura.

A relevância dos serviços inovadores é percebida pelo público, que está mais disposto a apostar em quem lhes traz valor agregado. Mas, ao contrário do que muita gente tende a pensar, principalmente no ramo empresarial, inovar não significa mudar de maneira radical o que se faz, ou a maneira com que faz. A inovação tem menos ainda a ver com reinventar a roda: ela está muito mais voltada a fazer com que o que se é comercializado tenha mais propósito e aplicação na vida do consumidor, de maneira cada vez mais fácil, menos complexa e, sempre que possível, mais barata.

Investir em serviços inovadores, portanto, é a possibilidade de ouro para que um negócio se eleve acima da concorrência e tenha mais chances de conquistar maiores fatias de mercado. A diferenciação está na ordem empresarial do dia, e não dá sinais de que vai sair tão cedo.

Para isso, conviva com pessoas criativas, busque conhecimento de inovação, converse com as pessoas que constituem seu público-alvo e perceba o que elas, de fato, estão buscando.

E não se esqueça de um detalhe absolutamente importante dos negócios inovadores: por menor que seja o capital investido em uma solução nova, é possível que o empreendedor precise investir muito tempo nesse tipo de iniciativa. Afinal, pensar algo interessante, que não esteja sendo executado por outros, leva tempo de criação, desenvolvimento e implantação.

Mas, quanto mais trabalho a ideia der ao empresário no início, principalmente em campos pouco explorados, onde existe demanda real por inovação, mais rápido pode ser o retorno ao investimento e o começo da projeção de lucro. Quem deseja manter-se competitivo nos próximos anos precisa, seriamente, pensar em investir e proporcionar serviços inovadores.

Como usar as tendências de mercado para ter vantagem competitiva?

Qualquer área de atuação vai ter concorrência, ainda que seja pequena ou muito discreta. Empresas inovadoras não fogem à regra: ainda que a solução seja uma inovação radical, rapidamente vão surgir outras organizações para competir por espaço. A vantagem competitiva, nesse caso, está diretamente relacionada à habilidade do empreendedor em perceber e utilizar as tendências de mercado a seu favor.

São nas tendências que moram as boas ideias de negócio, já que elas dizem muito sobre o comportamento atual das pessoas e para onde seus hábitos as estão levando. Um bom exemplo de tendência inovadora é o mercado de consumo sustentável, focado em produtos orgânicos e alimentos naturais. Se, na década de 1990, iniciou-se um processo massivo de alimentação industrializada, hoje a população busca mais qualidade de vida através de alimentos frescos e comprovadamente benéficos à saúde.

A mesma coisa ocorre com vários outros setores que permeiam o conceito de consumo consciente, como o da reciclagem, reaproveitamento e consumo ecológico.

Quando a população começa a usar menos plástico, isso pode se tornar uma oportunidade para empresários que consigam pensar em ideias inovadoras de substituição, principalmente para itens como canudos, copos e sacos de lixo. A mesma coisa vale para o reaproveitamento de energia, com a ascensão de diversas empresas de aquecimento solar ou geração de energia eólica.

Outros exemplos de tendências de mercado que inspiram negócios inovadores são:

?Produtos e serviços para pets;

?Valorização da real beleza através de produtos ecologicamente corretos;

?Virtualização profissional, com escritórios de coworking e aplicativos de organização de tarefas em equipes à distância;

?Turismo sustentável;

?Alimentação premium, ou gourmet;

?Resoluções de consumo sem sair de casa - compras que antes só seriam feitas presencialmente feitas, atualmente, por e-commerce.

A dica para quem quer ter sucesso com negócios inovadores é não atropelar as etapas. É preciso começar desenvolvendo um protótipo da ideia e testando, para ver se ela realmente faz sentido ao consumidor final, antes de investir todas as economias na proposta ou pegar investimento externo para torná-la viável. O teste é a palavra-chave da inovação.

Além disso, é preciso que o empreendedor tenha a disponibilidade de ser flexível, para trocar de ramo de atuação ou fazer reconsiderações à ideia inicial se perceber que ela não vai lhe dar o lucro desejado no curto, médio ou longo prazo. Tanto para testar quanto para desenvolver iniciativas, é fundamental contar com parcerias locais, sempre que possível, pois elas podem diminuir os custos de produção e aumentar a margem de lucro.

Por fim, lembre-se da última tendência de mercado que listamos no início deste artigo: a comercialização via internet. As pessoas querem, e precisam, lidar com suas compras online, pois a praticidade do mundo virtual vai ao encontro de vidas cada vez mais corridas, do ponto de vista profissional, e o consumidor já não tem mais tempo – ou interesse – de sair para pagar as contas, fazer as compras de supermercado, experimentar roupas no shopping, enquanto poderia estar trabalhando ou tendo momentos de lazer.

Quais são as tendências de mercado para os próximos anos?

Ainda que a vida corrida leve o consumidor a resolver a maior parte de  suas pendências comerciais via internet, uma das maiores tendências para os próximos anos é a do relacionamento mais próximo entre empresa e cliente, ainda que ele seja apenas virtual.

Você já deve ter tido a oportunidade de “conversar” com o robô de alguma empresa, via aplicativo ou redes sociais, para que ele resolvesse seu problema de momento. Se ainda não participou desse tipo de atendimento, é questão de tempo. As empresas inovadoras já perceberam que o que as pessoas querem é um contato personalizado com as marcas que consomem, e o grande diferencial das empresas bem sucedidas, nos próximos anos, será sua capacidade inovadora na comunicação direta com o cliente.

As tendências mostram que, nos próximos anos, o crescimento industrial, e até mesmo o artesanal, estará intimamente ligado com o engajamento do cliente final. Ou seja: caprichar nas estratégias de marketing e vendas será prioritário nos próximos anos, principalmente porque a hiperconexão entre os consumidores facilita com que uma marca seja reconhecida por milhares de pessoas em um curto espaço de tempo.

Vale lembrar que a comunicação empresarial não pode ser mais uma via de mão única: da mesma forma com que fala aos clientes, precisa ouvi-los e se adaptar as suas reais necessidades. Para atender melhor será necessário estabelecer canais abertos de comunicação entre empresa e consumidores. Quanto mais fechada uma organização for, menos destaque ela terá junto a seu público.

Além da comunicação próxima e humanizada, outras tendências de mercado para a próxima década são:

☑ A utilização de novas tecnologias para processos, produtos e serviços;

☑ As vendas diretas ao consumidor, permitindo uma aproximação entre fabricante e cliente;

As ações de superação de expectativa, que visam entregar aos clientes mais do que eles pediram.

Essas três tendências podem se traduzir em uma: melhor atendimento e entrega. Através da aproximação, tem-se um cenário real do que o cliente busca, permitindo à empresa saber o que deverá ser produzido, em qual quantidade ou por qual preço. Para que essa tendência seja aplicável, é indispensável ter um bom modelo de negócios para guiar as atividades organizacionais.

Ao fazer o que o cliente quer, os produtos e serviços devem superar esse desejo inicial, pois só assim conseguirão conquistar qualquer perfil de cliente. Antes, o que tínhamos eram empresas fazendo suas atividades e as precificando como se o cliente precisasse delas; hoje, e para os próximos anos, é preciso que o empreendedor mude a chave desse raciocínio: não é o cliente que precisa da empresa, e sim a empresa que precisa do cliente.

?Afinal, qualquer demanda no mundo pode ser suprida de várias formas diferentes – e a sua, certamente, não será a única opção. Os negócios inovadores observam as tendências para saber como podem se diferenciar da concorrência, e a superação de expectativas, de maneira bem positiva, é uma forma interessante de fazer isso. 

 

Ideias de negócio para novos empreendedores ?

Ano após ano os empresários se perguntam qual será a próxima boa ideia de negócio, e os novos empreendedores tendem a focar nesse questionamento com ainda mais avidez. A observação das tendências já é um bom indicativo de produtos e serviços que podem ser objetos de desejo nos próximos anos, mas as ideias de negócio também devem abordar sobre sua real necessidade e a capacidade de consumi-la, principalmente em cenários de crise e/ou recessão econômica.

O empreendedor que quer saber por onde começar a focar sua atenção e estudar melhor seus investimentos, pode ficar de olho nas seguintes áreas, que certamente podem ser tidas como boas ideias de negócios, já que apresentam demanda crescente no Brasil:

?Empresas de manutenção de bens, como as que vendem acessórios para itens caros, como carros e eletrodomésticos

Nos últimos tempos, por dificuldade econômica ou consciência de consumo, as pessoas estão deixando de comprar para reutilizar o que tem em casa. Assim, surgem demandas por empresas que facilitem a aquisição de produtos, serviços e acessórios voltados à manutenção dos bens, para que um objeto antes defeituoso volte a funcionar pelo menor custo de aquisição. Ou seja: ao invés de comprar um novo, conserta-se o atual.
São exemplos de ideias de negócios nesse ramo as empresas de serviços gerais, oficinas e reciclagem, reforma e revitalização de móveis.

?Empresas de alimentação saudável

Existem muitas questões nos setores nutricionais sobre o consumo de determinados tipos de alimentos, alguns consideráveis benéficos outros prejudiciais à saúde,  esta é uma relação que os consumidores estão cada vez mais atentos. O fato é que a procura dos consumidores por produtos naturais e orgânicos, além de toda a gama de possibilidades de alimentação saudável, vem crescendo, sendo uma boa oportunidade para análise e investimento.

?Lojas de conveniência de produtos nutritivos

Além do delivery de marmitas saudáveis, as lojas de conveniência de produtos nutritivos são ideias interessantes de negócios inovadores. Existe demanda, também, para o setor de bebidas funcionais, como shakes e iogurtes de consumo rápido, para que as clientes transportem com mais praticidade e se alimentem de forma nutritiva e rápida sem a necessidade de pausar suas atividades por longos períodos.

?Moda digital

O varejo de moda é um dos modelos de negócio mais antigos da sociedade civilizada, apresentando boa margem de lucro. Contudo, cada vez mais, pessoas estão preferindo comprar pela internet, ainda que isso signifique que não há a possibilidade de experimentar a roupa antecipadamente. O segredo, nesse caso, é dar ao consumidor a possibilidade de trocar da peça, sem custos de devolução e com reembolso do dinheiro investido, como preza o Código de Defesa do Consumidor.

Algumas empresas estão investindo em serviços online com um personal stylist ,atendendo seus clientes com envio de produtos, com sugestões dadas pelo profissional de estilo de acordo com o perfil descrito pela consumidora. As peças que não forem do gosto da compradora podem ser devolvidas em até dois dias, sem custo de devolução, e as que ficam com ela têm desconto substancial em relação ao que é vendido em lojas tradicionais.

Esse tipo de pensamento empreendedor agrega valor, supera as expectativas e torna o relacionamento entre empresa e cliente muito mais próximo, dando à empresa todos os elementos iniciais necessários para conseguir se manter no mercado a longo prazo. É, também, uma boa forma de se diferenciar da concorrência, pela oferta de um serviço que muitas lojas não disponibilizam às suas clientes.

DICA DE OURO ?

De maneira geral, toda a sorte de negócios online pode ser lida como ramificações de ideias de negócios inovadores, já que vai ao encontro da tendência consumista em obter mais produtos e serviços pela tela do computador do que passeando pelas ruas da cidade ou do shopping. Por isso, por mais que você não queira, ou deva, abrir mão da sua loja física, ter sua variação online pode ser uma boa sugestão para escalar as vendas.

Dicas de produtos e serviços inovadores

A inovação em produtos e serviços vai depender, em muito, da capacidade do empreendedor em pensar de maneira diferente sobre suas próprias soluções. As tendências devem ser estudadas para dar um norte àquilo que as empresas querem ou podem fazer, mas não vão, sozinhas, indicar os caminhos. O olhar do empresário é muito importante para o que será feito a seguir.

Contudo, o que não falta no mercado são exemplos de serviços inovadores e empresas nascentes que, ao se posicionarem de maneira assertiva, ganharam nichos de atuação e a confiança do público. Uma boa ilustração dessa realidade é a área dos coaches, pouco explorada anteriormente, mas em franca ascendência nos últimos anos. Através de profissionais cada vez mais qualificados e comprometidos com a entrega de bons resultados aos clientes, o coach se tornou um serviço inovador no Brasil e no mundo.

Outras dicas promissoras de serviços e produtos inovadores são:

1⃣ Criação de itens de economia colaborativa, como escritórios compartilhados e serviços de carona paga;

2⃣ Tecnologia para diminuir a burocracia, como nas imobiliárias online;

3⃣ Interação entre marca e consumidor com viés de propósito, como no caso das empresas ecologicamente corretas, ou inclusivas, de serviços para pessoas com deficiência;

4⃣ Desenvolvimento e aluguel de estruturas de energia solar;

5⃣ Produtos e serviços relacionados ao investimento de pequenas quantias em fundos com rentabilidade interessante, além de cursos e conteúdos voltados para as finanças pessoais.

Entender como o mercado funciona, quais os desejos dos clientes, de que forma pode atendê-los e superar suas expectativas, é um bom começo para quem quer inovar e se destacar diante de seus concorrentes.

 

?? Para saber mais sobre este e outros assuntos de interesse, confira os conteúdos que preparamos para você e sucesso!

Símbolo de ideia
Quais as principais etapas para um processo de inovação?
O processo de inovação em uma empresa passa por etapas como o reconhecimento de um problema, surgimento de uma ideia e apresentação de uma solução inovadora. Como resultado devem surgir soluções que apoiem a empresa na sua competitividade e lucratividade. Acesse este conteúdo e veja o que preparamos sobre o processo inovação!
Arquivo
Brainstorming
Modelos de inovação testados mundialmente que você precisa conhecer
O processo de inovação está ligado à geração de valor, e para executar no seu modelo de negócio, a empresa precisa mudar à sua maneira de pensar e aprender a trabalhar com a experimentação. Confira mais dicas e exemplos neste e-book que preparamos para você!
Arquivo